Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Ir em baixo

Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Mensagem  Lince do Mato em Ter 25 Jan - 23:01

A próxima Campanha de Recolha de Alimentos em supermercados realiza-se em 28 e 29 de Maio de 2011.

Os Bancos Alimentares Contra a Fome recolheram em Portugal este fim-de-semana um total superior a 3.250 toneladas de géneros alimentares na campanha realizada em mais de 1.147 superfícies comerciais das zonas de Abrantes, Algarve, Aveiro, Braga, Coimbra, Cova da Beira, Évora e Beja, Leiria-Fátima, Lisboa, Oeste, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, S. Miguel, Viana do Castelo, Viseu e, pela primeira vez, na Terceira.

A quantidade agora recolhida compara com 2.490 toneladas recolhidas em Dezembro de 2009, ou seja, um acréscimo de mais de 30%, o que constitui um recorde absoluto desde que estas campanhas de recolha se efectuam em Portugal. Também o número de voluntários envolvidos, ultrapassando os 30 mil, jamais tinha sido atingido em ocasiões anteriores, naquilo que constitui em temos de dimensão uma operação de voluntariado sem qualquer paralelo no nosso País.

Os resultados obtidos voltam a evidenciar uma extraordinária adesão da parte dos Portugueses para com esta acção, maugrado o clima de profunda crise económica, confirmando não só as suas tradicionais generosidade e solidariedade, mas também a confiança que depositam no projecto do Banco Alimentar Contra a Fome enquanto fiel depositário e garante de uma distribuição adequada das suas contribuições destinadas aos mais necessitados.

“As quantidades de géneros recolhidos este fim-de-semana, que, apesar da profunda crise económica que afecta o País, constituem um recorde absoluto, mostram que os cidadãos Portugueses são intrinsecamente generosos e aderem inequivocamente a projectos cujos objectivos compreendem. Muito obrigado a todos os que participaram, quer como doadores quer como voluntários. Mostrámos todos que é possível reagir, sem desesperança, tomando entre mãos e contribuindo com aquilo que está ao nosso alcance para a resolução dos problemas mais prementes que afectam a nossa sociedade. Cá estaremos para provar que somos merecedores desta adesão, desta solidariedade e desta confiança”, afirmou Isabel Jonet, Presidente da Federação dos Bancos Alimentares contra a Fome.

Voluntariado em acção

Mais de 30 mil voluntários disponibilizaram algum do seu tempo durante o fim-de-semana para participar na campanha de recolha. Tarefas como a recolha nos estabelecimentos comerciais, o transporte, pesagem e separação dos produtos, foram integralmente asseguradas por voluntários, confirmando assim a adesão entusiástica ao projecto dos Bancos Alimentares Contra a Fome. Os géneros alimentares recolhidos serão distribuídos a partir da próxima semana a mais de 1.800 Instituições de Solidariedade Social que os entregam a cerca de 280 mil pessoas com carências alimentares comprovadas, sob a forma de cabazes ou de refeições confeccionadas.

Trata-se da maior acção de voluntariado organizada em Portugal, mostrando que a acção conjunta de todos os agentes de solidariedade gera resultados muito superiores aos que seriam obtidos se cada um deles resolvesse agir de forma isolada.

Ao longo da próxima semana, até 5 de Dezembro, haverá ainda a possibilidade de contribuir para os Bancos Alimentares Contra a Fome através da Campanha “Ajuda Vale”, presente em todas as lojas das cadeias Pingo Doce/Feira Nova, Dia/Minipreço, El Corte Inglês, Jumbo/Pão de Açúcar, Lidl, Modelo/Continente. Nesses estabelecimentos serão disponibilizados em suportes próprios cupões-vale de produtos seleccionados (azeite, óleo, leite, salsichas, atum e esparguete). Cada cupão representa uma unidade do produto (por exemplo, “1 litro de azeite”, “1 litro de leite”, etc.). Este cupão, para além de mencionar que se trata de uma entrega destinada aos Bancos Alimentares Contra a Fome, refere de forma clara a identificação do tipo de produto, da unidade e do correspondente código de barras, através do qual é efectuado o controlo das dádivas. Ao efectuar o pagamento, o dador entrega o cupão “Ajuda Vale” na caixa registadora. A logística de recolha e transporte para os Bancos Alimentares contra a Fome fica a cargo da cadeia de distribuição aderente. As doações são auditadas por uma empresa externa especializada.

Também na rede de cerca 3700 lojas Payshop espalhadas por todo o País é possível contribuir para esta campanha, efectuando uma doação em dinheiro que será convertida em leite e dará lugar à emissão de recibo.

Alguns dados relativos à actividade

A actividade dos Bancos Alimentares Contra a Fome prolonga-se ao longo de todo o ano. Para além das campanhas de recolha em supermercados, organizadas duas vezes por ano, os Bancos Alimentares Contra a Fome recebem diariamente excedentes alimentares doados pela indústria agro-alimentar, pelos agricultores, pelas cadeias de distribuição e pelos operadores dos mercados abastecedores. São assim recuperados produtos alimentares que, de outro modo, teriam como destino provável a destruição. Estes excedentes são recolhidos localmente e a nível nacional no estrito respeito pelas normas de higiene e de segurança alimentar. Deste modo, para além de combaterem de forma eficaz as carências alimentares, os Bancos Alimentares Contra a Fome lutam contra uma lógica de desperdício e de consumismo, apanágio das sociedades actuais.

Recolha nacional, ajuda local

Os Bancos Alimentares Contra a Fome distribuem, ao longo de todo o ano, os géneros alimentares recorrendo a Instituições de Solidariedade Social por si seleccionadas e acompanhadas em permanência. Incentivam as visitas domiciliárias e o acompanhamento muito próximo e individualizado de cada pessoa ou família necessitada por estas instituições, de forma a ser possível efectuar, em simultâneo, um verdadeiro trabalho de inclusão social.

Em 2009, os dezassete Bancos Alimentares Contra a Fome operacionais distribuíram um total de 23.100 toneladas de alimentos (equivalentes a um valor global estimado superior a 32,7 milhões de euros), ou seja, um movimento médio de 92 toneladas por dia útil.

A actividade dos Bancos Alimentares norteia-se pelo princípio genérico da “recolha local, ajuda local”, aproximando os dadores dos beneficiários e permitindo uma proximidade entre quem dá e quem recebe. Possibilita o encontro entre voluntários e instituições beneficiárias, por um lado, e entre fornecedores da indústria agroalimentar, empresas de serviços, poder públicos e o público em geral, em especial durante os fins-de-semana das campanhas de recolha, em que todos trabalham lado a lado por uma causa comum: a luta contra as carências alimentares e a fome.

Em Portugal o primeiro Banco Alimentar Contra a Fome 1991 foi aberto em 1991, estando actualmente em actividade no território nacional 18 Bancos Alimentares, congregados na Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares, com o objectivo comum de ajudar as pessoas carenciadas, pela doação e partilha. Existem 232 Bancos Alimentares operacionais na Europa, que, em 2009, distribuíram 294.500 toneladas de produtos a 4,5 milhões de pessoas, através de 27.000 associações (www.eurofoodbank.org).

___________________________________________________________________

Para mais informações sobre a campanha, contactar:
Banco Alimentar Contra a Fome: 91 900 02 63 / 21 364 96 55- www.bancoalimentar.pt


avatar
Lince do Mato
Pai

Mensagens : 1397
Data de inscrição : 24/10/2009
Idade : 45
Localização : Porto

http://www.391antas.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Banco Alimentar Contra a Fome

Mensagem  Lince do Mato em Ter 19 Abr - 15:35



Porto. 28 e 29 de Maio: Campanha de recolha de alimentos



Caro voluntário
Aproxima-se mais uma Campanha de Recolha de Alimentos que será nos próximos dias 28 e 29 de Maio (sábado e domingo).
Á semelhança das campanhas anteriores, enviamos uma ficha de inscrição online para que se possa inscrever.

https://spreadsheets0.google.com/viewform?formkey=dEdaY29Ed0Q3UzJHUlNkaVVWaGU5Ymc6MQ

Antecipadamente gratos por nos ajudar a alimentar esta ideia, esperamos pela sua inscrição, à qual iremos responder atempadamente.
Aproveitamos para informar, que caso a sua opção seja voluntariado no armazém, poderá fazer as refeições (almoço, lanche ou jantar) nas nossas instalações, uma vez que temos uma empresa a colaborar graciosamente neste sentido durante os dois dias.

Contamos consigo
Alda Maia Rosa

https://spreadsheets0.google.com/viewform?formkey=dEdaY29Ed0Q3UzJHUlNkaVVWaGU5Ymc6MQ

Alimente esta ideia!

Alguns dados relativos à actividade

A actividade dos Bancos Alimentares Contra a Fome prolonga-se ao longo de todo o ano. Para além das campanhas de recolha em supermercados, organizadas duas vezes por ano, os Bancos Alimentares Contra a Fome recebem diariamente excedentes alimentares doados pela indústria agro-alimentar, pelos agricultores, pelas cadeias de distribuição e pelos operadores dos mercados abastecedores. São assim recuperados produtos alimentares que, de outro modo, teriam como destino provável a destruição. Estes excedentes são recolhidos localmente e a nível nacional no estrito respeito pelas normas de higiene e de segurança alimentar. Deste modo, para além de combaterem de forma eficaz as carências alimentares, os Bancos Alimentares Contra a Fome lutam contra uma lógica de desperdício e de consumismo, apanágio das sociedades actuais.

Recolha nacional, ajuda local

Os Bancos Alimentares Contra a Fome distribuem, ao longo de todo o ano, os géneros alimentares recorrendo a Instituições de Solidariedade Social por si seleccionadas e acompanhadas em permanência. Incentivam as visitas domiciliárias e o acompanhamento muito próximo e individualizado de cada pessoa ou família necessitada por estas instituições, de forma a ser possível efectuar, em simultâneo, um verdadeiro trabalho de inclusão social.

Em 2009, os dezassete Bancos Alimentares Contra a Fome operacionais distribuíram um total de 23.100 toneladas de alimentos (equivalentes a um valor global estimado superior a 32,7 milhões de euros), ou seja, um movimento médio de 92 toneladas por dia útil.

A actividade dos Bancos Alimentares norteia-se pelo princípio genérico da “recolha local, ajuda local”, aproximando os dadores dos beneficiários e permitindo uma proximidade entre quem dá e quem recebe. Possibilita o encontro entre voluntários e instituições beneficiárias, por um lado, e entre fornecedores da indústria agroalimentar, empresas de serviços, poder públicos e o público em geral, em especial durante os fins-de-semana das campanhas de recolha, em que todos trabalham lado a lado por uma causa comum: a luta contra as carências alimentares e a fome.

Em Portugal o primeiro Banco Alimentar Contra a Fome 1991 foi aberto em 1991, estando actualmente em actividade no território nacional 18 Bancos Alimentares, congregados na Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares, com o objectivo comum de ajudar as pessoas carenciadas, pela doação e partilha. Existem 232 Bancos Alimentares operacionais na Europa, que, em 2009, distribuíram 294.500 toneladas de produtos a 4,5 milhões de pessoas, através de 27.000 associações (www.eurofoodbank.org).

___________________________________________________________________

Para mais informações sobre a campanha, contactar:
Banco Alimentar Contra a Fome: 91 900 02 63 / 21 364 96 55- www.bancoalimentar.pt
avatar
Lince do Mato
Pai

Mensagens : 1397
Data de inscrição : 24/10/2009
Idade : 45
Localização : Porto

http://www.391antas.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Mensagem  Lince do Mato em Ter 3 Maio - 15:18

Boa tarde

Pedimos desde já as nossas desculpas pela insistência, mas vimos reforçar o pedido de colaboração com o Banco Alimentar, a todos que tem intenções de participar na próxima campanha, no preenchimento do inquérito relativo ao mestrado (“Impacto dos diferentes tipos de motivações e envolvimento prévio do voluntário ocasional, na satisfação e intenção de repetir a experiência.”) da nossa voluntária.
Certos da vossa colaboração,

https://spreadsheets.google.com/viewform?formkey=dEdZQ3c4N2N3ZF9BTjU5NjFHajZqZ3c6MQ

Até breve
Alda Maia Rosa

alda.rosa@bancoalimentar.pt
22 998 31 41
avatar
Lince do Mato
Pai

Mensagens : 1397
Data de inscrição : 24/10/2009
Idade : 45
Localização : Porto

http://www.391antas.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Mensagem  Lince do Mato em Ter 24 Maio - 13:04

O Agrupamento irá assumir todos os horários de sábado, dia 28, no MiniPreço da Av. Fernão Magalhães, e iremos fazer turnos entre Exploradores (Expedição) e Pioneiros (Comunidade)
Os elementos receberão, dentro em breve, informações, por e-mail e/ou sms, do turno em que ficarão. Não se esqueçam do V. lema "Sempre Alerta"
Mensagem da Paróquia:O BANCO ALIMENTAR (de que o nosso Centro Social tem sido largamente beneficiado) promove nova campanha nos próximos dias 28 e 29. Para além do apelo à generosidade dos paroquianos renovamos o pedido de colaboração de voluntários que, em regime de escala, assegurem permanência no MiniPreço da Av. F. Magalhães (611) entre as 9h e as 20h de sáb. 28 e as 9h e as 19h de Dom. 29.. Inscrições no próprio Centro ou na Secretaria Paroquial: dois apelos em duas semanas resultaram em... uma voluntária... o que nos deverá fazer pensar!...
avatar
Lince do Mato
Pai

Mensagens : 1397
Data de inscrição : 24/10/2009
Idade : 45
Localização : Porto

http://www.391antas.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Mensagem  Lince do Mato em Dom 29 Maio - 18:08

O 391 esteve mais uma vez em força nesta campanha do Banco Alimentar:

avatar
Lince do Mato
Pai

Mensagens : 1397
Data de inscrição : 24/10/2009
Idade : 45
Localização : Porto

http://www.391antas.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Excelente

Mensagem  Falcão Desportista em Seg 30 Maio - 14:57

Foi Altamente mais uma vez! Parabens a todos os que entram no video (mesmo os não escuteiros) porque contribuiram para esta causa, dando o bracinho ao manifesto :)

Grande Tralhos no fim :P é um trabalho em que também se ganha, e quem participa sabe :D

Falcão Desportista
Pioneiro

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ah!

Mensagem  Falcão Desportista em Seg 30 Maio - 14:58

e parabens ao reporter que apanhou grandes momentos e exemplos :D

Falcão Desportista
Pioneiro

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Mensagem  Lince do Mato em Ter 31 Maio - 15:39

Perafita, Maio 2011

Caro(a) Voluntário(a)
É com um enorme obrigado que vimos agradecer a sua presença desinteressada na Campanha de Recolha de Alimentos do Banco Alimentar Contra a Fome – Porto.
Graças a cada um, foi possível, arrumar 386 toneladas de alimentos (acréscimo de 29% relativamente à Campanha homologa de 2010).
Presenciar centenas de voluntários numa atitude de inteira disponibilidade e entrega a esta causa, faz-nos lutar ainda mais por uma maior eficiência e transparência.
Assim, não podemos de deixar de nos comprometer que em cada embalagem que passou pela sua mão estará sempre presente a responsabilidade de melhor fazermos aquilo que nos propomos: luta contra a fome e o desperdício de alimentos.
Contamos consigo na próxima Campanha que será nos dias 3 e 4 de Dezembro de 2011

Muito obrigado por nos ajudar a alimentar esta ideia.
Alda Maia Rosa
avatar
Lince do Mato
Pai

Mensagens : 1397
Data de inscrição : 24/10/2009
Idade : 45
Localização : Porto

http://www.391antas.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Banco Alimentar Contra a Fome - 28 de Maio de 2011

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum